Notícias Online
portal com notícias sobre empregos, concursos, economia e negócios, esportes e muito mais

Auxílio Emergencial 2021 é prorrogado por mais três meses. Confira

Para quem não se recorda, o Auxílio Emergencial teria fim agora em julho de 2021.

Agora é oficial! O presidente da república, Jair Bolsonaro, anunciou nesta segunda, dia 05 de julho de 2021, que foi assinado o Decreto prorrogando a concessão do Auxílio Emergência por mais três meses. Para quem não se recorda, o benefício teria fim agora em julho de 2021.

Nubank: novo cartão de crédito será lançado em breve

Os beneficiários, portanto, vão receber as parcelas relativas aos meses de agosto, setembro e, por fim, outubro de 2021. Bolsonaro já assinou o decreto, que será oficialmente publicado no Diário Oficial da União de terça, 06 de julho de 2021.

Em nota, a Secretaria-Geral da Presidência da República informou que os recursos para sustentar a prorrogação serão provenientes “de MP que abre crédito extraordinário em favor do Ministério da Cidadania”.

Para ter direito a receber o Auxílio Emergencial 2021 no período complementar, o beneficiário precisa se enquadrar nos critérios estabelecido na MP 1.039/21, que regula o benefício no ano de 2021.

Os pagamentos seguirão sendo realizados da mesma forma: ou seja, seguindo-se “os meios e mecanismos já utilizados no pagamento durante o ano corrente”, segundo a nota oficial. Traduzindo: os pagamentos seguem via aplicativo Caixa Tem.

Crédito extraordinário para a prorrogação

A nota oficial da Presidência ressaltou que os recursos para quitar a prorrogação serão gerados a partir de “Medida Provisória que abre crédito extraordinário em favor do Ministério da Cidadania”.

Trata-se de ato fundamental viabilizar o pagamento do Auxílio Emergencial 2021 por período complementar, o que tem se mostrado essencial para a subsistência da população mais vulnerável, de modo a evitar que milhões de brasileiros caiam na extrema pobreza ou sofram com ela, preservando-se, portanto, o princípio constitucional da dignidade da pessoa humana.

Valores do Auxílio Emergencial complementar

A regra atual prevê que cidadãos que moram sozinhos recebem mensalmente a parcela de R$ 150,00. As mulheres chefes de família, por sua vez, recebem R$ 375,00 por mês.

Todos os outros beneficiários devidamente cadastrados receberão R$ 250 por mês, até o mês de outubro de 2021. A Caixa deve divulgar um calendário de pagamentos detalhado nos próximos dias.

Sobre o Auxílio Emergencial

O Auxílio Emergencial começou a ser pago em abril de 2020, logo no começo da pandemia da COVID-19, que dura até nossos dias e ainda não tem previsão de estar controlada, devido ao ritmo da vacinação no país.

O governo trabalha com a expectativa de que, em outubro de 2021, toda a população adulta esteja devidamente imunizada, com pelo menos a primeira dose. Isso permitirá a retomada plena dos setores produtivos.

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais